26 de dez de 2010

Feliz Natal (um cadinho atrasado)

Nessa época de festas as coisas ficam mais corridas e o tempo parece passar de uma forma diferente, parece que tudo passa muito mais rápido. Sei lá, ontem era dia 1º/12 e hoje já é dia 26. Mais 5 dias e o ano acaba. Gente, assim não dá.

Passo sempre o Natal com meus pais, afinal, meu irmão, se manda pra casa da namorada rica dele e eles ficam aqui sozinhos, então nada mais justo do que eu vir pro Rio, ficar uns dias com eles e curti-los um pouco, assim como a minha Cidade nesse comecinho de verão, quando o tempo não está (ainda) muito quente, rever alguns amigos e ficar de bobeira mesmo, como agora.
Até ta sol lá fora, mas não o suficiente para eu correr até à praia. Então fico em casa mesmo, tomando um vento, vendo TV e curtindo meus velhotes.

Fico aqui no Rio, só até dia 28, já que infelizmente, sabe-se lá porque, meu chefe resolveu abrir a loja.

Então nesses 5 dias que terei aqui, tentarei fazer tanta coisa que chega a me dar preguiça.=P

Dia 24, fiquei aqui ajudando minha mãe, esse é o nosso 1º Natal sem a minha Tia que faleceu em Outubro, então éramos só nós duas para fazer as coisas. Decidi que seria pouca coisa, afinal seríamos só nós três.

Quase meia noite, fui lá no outro prédio a casa da Tia Vanda receber Papai Noel, e faço isso por, sei lá, quase 30 anos. Não me canso dessa tradição boba que temos aqui, e espero sempre por isso. Ela já tinha me avisado que meu presente estaria lá e que eu precisava ir sentar no colo do Papai Noel para recebê-lo. Acho que as crianças de hoje em dia, não curtem tanto isso quanto eu e as meninas mais velhas curtimos, fazemos muito mais festa e rimos muito mais que as crianças. Será que não crescemos? 
No Colinho do Papai Noel


Eu e Ninica
Eu e Juju

 
Só sei que me diverti demais, comi muito (to ferrada quando for me pesar dia 30) e ri tanto, como nunca com a Juju, a Lu, Zeca, João, Ninica e todos os outros, que começaram a pegar no meu pé, dizendo que eu ainda chamava minha ex-sogra de sogra, porque queria voltar pro meu ex-noivo (oiq/). 

Eu e Gigi, da nova geração.
Dia 25 decidimos ir lá na casa da minha comadre visitá-la e ver a cabeçuda da minha afilhada. Quando parei o carro e fui esperar minha avó, vi a Bel, uma menina que vi nascer e hoje tem 14 anos e me chama de Tia. ¬¬

Bel, Dudu e Eu. E elas me chamam de Tia.


Passei a tarde na minha comadre, conversamos muito e ainda temos muito o que conversar.

Hoje ainda tenho um monte de coisas para fazer, e a melhor delas é que vou fazer junto com meus pais e se der certo, ainda vou num rodízio de pizza com eles mais tarde e talvez passaremos na Árvore da Lagoa.

Espero que todos tenham tido um ótimo Natal e que o ano novo de vocês seja espetacular.

Resumo de Natal, as crianças crescem MUITO, ficam maiores do que você, te chamam de tia e você se diverte com seus amigos de infância como se ainda fossem crianças.

Um comentário:

Bal Oliveira disse...

amei o resumo no fim do texto. snif...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...